O nosso Campo de Aviação!

Quem diria, mas Monlevade já teve o seu Aeroporto, ou melhor, seu Campo de Aviação, na linguagem mais popular. Isso há algumas décadas, porque as gerações mais novas só conhecem o campo de Aviação de nome ou então quando foram lá para passear, aprender a dirigir ou soltar papagaios.

Mas, tão logo a Usina da Belgo-Mineira se instalou na região, uma de suas preocupações era com a construção de um local para pouso de aviões pequenos, já que era constante a visita de diretores do grupo luxemburguês a João Monlevade e, de Belo Horizonte até a nossa cidade, o acesso pela rodovia era muito precário. Naquela época, gastava-se em média sete horas de viagem da capital até aqui.

Assim foi construído o campo de Aviação, no alto do bairro Vila Tanque, e na fotografia acima, dos anos 1940, um grupo de estrangeiros (diretores da Belgo) faz pose após terem aterrissado no local, ao lado de um Bi-Motor. Ainda na fotografia um dos taxistas mais antigos da cidade, o saudoso “Manoel Paciência”, que havia feito a corrida dos ilustres visitantes europeus.

Para recordar!

Compartilhe esta postagem

Deixe um comentário

Postagens relacionadas

Notícias por Categoria

Cultura

História

Seja assinante!

Assine agora mesmo por apenas R$ 47,90 Anuais!

Já é assinante?

Faça seu login!