Para matar a saudade…

O Grupo de Congregados Marianos sempre foi bastante ativo e ainda faz história junto á Igreja Católica. Tendo iniciado suas atividades nos anos 1950, em João Monlevade, sempre participava das ações da Igreja e mantinha esse relacionamento bem estreito junto à Comunidade Católica.

Nesta fotografia, da década de 1960, feita em frente ao altar da Igreja São José Operário, um flagrante dos congregados após uma comemoração festiva, onde aparece ao centro o Padre Henriques de Albuquerque. Entre os presentes, estão na foto os senhores Mundicão, José Silvério, Adílio, José Pinto, Curió e Joanico. Uma foto para lembrar com saudade dos tempos desses homens que deixaram sua obra e de outros que ainda fazem a história de João Monlevade, através do trabalho voluntário em prol da comunidade. A todos vocês, congregados marianos, nossas homenagens.

Compartilhe esta postagem

Deixe um comentário

Postagens relacionadas

Notícias por Categoria

Cultura

História

Seja assinante!

Assine agora mesmo por apenas R$ 47,90 Anuais!

Já é assinante?

Faça seu login!