O grande time de futebol do Belgo-Minas!

O nome veio originário da empresa, Belgo-Mineira, ficando Belgo-Minas, cujo grande patriarca foi o saudoso Sr. Simões, entre outras pessoas, que muito trabalhou pelo Clube. O clube foi fundado em 16 de agosto de 1950, mesma data da criação do rival Metalúrgico.

E marcou história em nossa João Monlevade e em toda região do Médio Piracicaba, com seu uniforme nas cores vermelho e azul. Fundado pela Belgo-Mineira nos anos 1950, após fusão do Sport e do Independente, o belgo-Minas poderia ser comparado aos times profissionais da época, entre eles do grande Mário de Souza, que havia atuado pelo Clube Atlético Mineiro e aqui encerrou sua carreira, entre tantos outros craques que vestiram a sua camisa rubro-celeste. O escrete do Belgo-Minas sagrou-se campeão várias vezes, inclusive com o título de tetra-campeão consecutivo nos anos de 1956/55/56/57 (sic).

A fotografia acima é da equipe que sagrou-se tri-campeã em 1956, e foi uma das melhores do histórico time do Belgo-Minas de todos os tempos. Vamos ao timaço, onde aparecem em pé, da esquerda para a direita: Nonô Massa, Sílvio, Mário de Souza, Domingos Mingau, Carlinhos e Jaime. Assentados, na mesma ordem: Nôca, João da Pinta, Afrânio, Joaquim Etelvino e Lilinho

O time de futebol do Belgo-Minas foi um dos grandes que passou pela região. Concorrentes para ele? Só o Metalúrgico e o Vasquinho. A equipe revelou vários craques, e alguns deles se profissionalizaram no futebol.  Nesta foto, o timaço que fazia tremer os adversários.

Neste timaço do Belgo-Minas, o rubro-celeste do Médio Piracicaba, atuou uma das lendas do esporte monlevadense, Joaquim do Carmo, popular Joaquim Etelvino.

Na foto do meio, uma das melhores formações do Belgo-Minas, onde aparecem, em pé, da esquerda para a direita: Lilinho, Juca, Joaquim Etelvino, Nôca, Joãozinho Fuzil, Joãozinho Boa Pinta e o presidente Sr. Simões. Agachados, na mesma ordem: Rôla, Antônio Massa, Caroço, Mingau e Mário de Souza

A equipe revelou vários craques, e alguns deles se profissionalizaram no futebol.  Na foto abaixo, o timaço que fazia tremer os adversários. Aqui durante uma partida no estádio do Jacuí. Em pé, da esquerda para a direita: Itamar (técnico), Lilinho, Mingau, Joaquim Etelvino, Juca, R. Pinto, Afrânio, Noca e Erotides (Supervisor). Agachados, na mesma ordem: Antônio Massa, Luiz Professor, Curió, Remison, Boró e Wilson

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Deixe uma resposta

Postagens relacionadas

Notícias por Categoria

Cultura

Esportes

Colunas

Seja assinante!

Assine agora mesmo por apenas R$ 47,90 Anuais!

Já é assinante?

Faça seu login!